RSS

Arquivo da categoria: Vídeo mulher espanca cãozinho

Famosos se revoltam com caso do cachorro espancado em Goiás

Vários famosos se manifestaram no Twitter depois de assistir ao vídeo que mostra uma mulher espancando um cachorro da raça Yorkshire na frente de uma criança.

camilla_espancado

As imagens foram feitas por uma pessoa que não se identificou, mandou uma cópia para a polícia e colocou o vídeo no youtube. O caso ganhou grande repercussão nas redes sociais e internautas pedem a prisão da ‘assassina’, já que o animalzinho morreu após as agressões. O caso aconteceu em Goiás e está sendo investigado pela a Polícia Civil de Formosa.

“Vamos assinar a Petição PENA MÁXIMA DE CRIME DE MAUS TRATOS PARA A ENFERMEIRA QUE MATOU O YORKSHIRE”, escreveu Gulhermina Guinle.

“Vi agora o vídeo em que a enfermeira mata o cachorro a pancadas.Como alguém filma uma coisa dessas sem interferir? E como uma mulher dessas faz isso?”, disse Rafa Cortez.

“Chocada com a mulher espancando a cachorrinha… Cruel… Ainda não tinha visto… Meu Deus do céu… Tem que matar essa monstra… Surreal… Onde vamos parar com tanta maldade… Sei não”, chocou-se Julia Faria.

“Estou com estômago embrulhando por ter visto aquela cena do cachorro sendo espancado. Temos que denunciar. Mas de nada adianta ficar aqui no twitter xingando e não ter nenhuma ação. Criticar é fácil, difícil é doar tempo e dinheiro”, disse César Menotti.

“Absurdo a enfermeira que matou a pauladas o yorkshire em casa! Essa mulher tem que ser linchada com pedras. Fim da crueldade contra animais!Esses monstros merecem ser mortos a paulada na cadeia! Matem a desgracada, mas bem devagar, pra ela sofrer cada minuto. Estou enojada, furiosa, triste, abalada com a história da cachorrinha que morreu. Quero justica!”, se revoltou Letícia  Birkheuer.

“Estou abalada demais com o caso do monstro que espancou o cachorrinho. Não assisti o vídeo pra não sofrer mais, mas vi sem querer na TV. Sem palavras. Já chorei, já fiquei revoltada, angustiada… Mas a justiça já esta sendo feita e ela vai pagar. Deus vê tudo”, escreveu Juju Salimeni

camilla_espanca_cao

.Fonte: Ego Globo Notícias

 

Caso vídeo mulher espancando cãozinho

A enfermeira apontada como responsável pela agressão foi identificada e compareceu à delegacia acompanhada de um advogado na semana passada. De acordo com o delegado, ela ainda não foi ouvida formalmente, mas disse na ocasião que estava estressada e o que o cão dava muito trabalho.

1 – a denuncia foi feita pelos moradores do andar de cima e as imagens foram coletadas por duas menores que se revoltavam com os constantes maus-tratos contra o animal.
2 – foram feitas várias filmagens, mas, a ultima culminou com a chamada da polícia porque o animal gritava desesperado. Todos os vizinhos deixaram de temer a autora do crime pois era super agressiva e desafiava que ninguém tinha nada com o que ela fazia;
3 – as imagens foram colocadas na Internet porque ela teria desafiado a todos os moradores que não ia dar em nada;
4- ela briga muito com o marido. São brigas ouvidas por todos. As menores tinham medo dela por causa da violência que a tal Camila costuma agir;
5 – a infeliz trabalha em Brasília, são moradores novos da cidade porque o marido estaria trabalhando lá. Formosa fica 50 minutos de Brasília.

Fonte: O Grito do Bicho

Link para quem quiser assinar a petição pública criada pedindo punição por mais esse crime hediondo contra um ser indefeso => http://www.peticaopublica.com/?pi=Yorkshir

Vejam que o que ela escreveu ontem (14/12) em seu twitter..

  • “meus cachorrinhos” (tanta comoção, mas a justiça não foi até a casa dela atrás de algum animal)
  • não dá nada! (só depende de nós que dê em alguma coisa)

camilla_espanca_york

15/12/2011 – A Polícia Civil de Formosa, cidade de Goiás localizada no Entorno do Distrito Federal, abriu inquérito há 10 dias para investigar uma denúncia anônima de maus-tratos a um cachorro que aparenta ser da raça Yorkshire. Segundo o delegado que investiga o caso, Carlos Firmino Dantas, o cachorro morreu. A agressão foi filmada e o vídeo, divulgado no You Tube. Nas imagens, uma mulher agride o cão na frente de uma criança. O animal chega a ser arremessado para o alto e preso dentro de um balde.

(Nota da autora do blog: Não acho que a criança tenha 3 anos como divulgam, vi as fotos da monstra no orkut, ela casou em 2009, portanto a “filha” tem um ano e alguns meses, ou seja ainda não fala, não pode contar o que a mamãe-monstra faz para ninguém)

Segundo o delegado, a mulher se apresentou na delegacia acompanhada de um advogado, mas não prestou depoimento. O G1 buscou contato com a responsável pelo cão através dos telefones divulgados juntamente com a denúncia na internet. 

Na quinta-feira à noite, a equipe de reportagem conversou por telefone com uma mulher que, no início, disse ter uma filha com o mesmo nome citado na investigação. Mas, após ver o vídeo, negou que ela fosse sua filha. Dantas disse que um inquérito foi aberto há cerca de dez dias após a polícia ter recebido uma denúncia anônima e uma cópia do vídeo da agressão ao animal.

Segundo ele, a dona do cachorro afirmou que agrediu o animal porque estava em um “mau dia”. O vídeo mostra a mulher chutando o cachorro e jogando o animal no chão. A gravação foi feita do alto, do que aparenta ser um andar com vista para a área de serviço da casa da mulher.

O vídeo de 3min 26seg registra três momentos distintos, e a mulher aparece com roupas diferentes na gravação. (Nota da autora do blog: meu instinto me diz que esse vídeo foi editado, a diarista-doméstica que teve que com certeza presenciou outras cenas de tortura, deve ter procurado algum lugar para denunciar e não achou, alguém à orientou a gravar. O vídeo e a denúncia já haviam sido entregues a polícia, como nada havia sido feito, resolveram divulgar na internet na esperança de justiça) 

O cachorro não se mexe depois das agressões. A mulher chega a colocar um balde sobre o animal. Dantas disse que a pena prevista por maus-tratos pode chegar a até dois anos, caso a mulher seja processada e condenada.

Como as agressões ocorrem em frente a uma criança, ele disse que a mulher pode ainda ser denunciada com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O caso provocou repercussão nas redes sociais. O vídeo, publicado na quarta (14), teve mais de 320 mil visualizações até por volta das 10h desta sexta. No Twitter, a vereadora Heloísa Helena (PSOL), que é ex-senadora e cumpre mandato atual na Câmara Municipal de por Maceió, anunciou que serão formalizadas ações no Ministério Público e defendeu a aprovação de lei contra maus-tratos dos animais. O vereador Elias Vaz de Andrade (PSOL) anunciou que vai entrar com representação na delegacia-geral de Formosa nesta manhã.

Fonte: G1

camilla_video_espancamento

14/12/2011 – As imagens estão repercutindo nas redes sociais.

Cenas de violência contra um cachorro voltam a chocar a população. Um vídeo divulgado na internet mostra cenas de crueldade.  Nas imagens, uma mulher aparece espancando o cão.

A mulher, que seria uma enfermeira, joga o cachorro contra o chão. Depois ela usa um balde para bater na cabeça do animal. A mulher ainda confere se ele ainda está vivo e o cobre com o balde. No final da filmagem dá para ver o estado do animal, totalmente machucado.  Uma criança aparece assistindo às agressões. 

Revoltados com as imagens, muitos internautas começaram a divulgar o vídeo para denunciar a agressora. A repercussão foi tão grande que entrou para o topo dos assuntos mais comentados do microblog. Famosos, como as apresentadoras Astrid Fontenelle e Luciana Gimenez, o ator Marcelo Médici e a jornalista Mariana Godoy também se mostraram indignados, e alguns iniciaram uma campanha para denunciar a agressora: “uma enfermeira mata um yorkshire a pancadas em Goiás. O MP vai deixar assim mesmo?”, escreveu Médici. “Muita pena da criança que presenciou, essa sim merece proteção da Vara da Infância. Muito mais dolorida do que uma palmada na bunda.”, escreveu Astrid.

camillacorrea_orkut

Ao assistir às cenas, a ex-senadora e atual vereadora Heloisa Helena (PSOL) também buscou denunciar a agressora: “quem postou vídeo de violência animal precisa urgente encaminhar denúncia (pode ser anônima) ao Ministério Público ou à Vara da Infância, pois tem criança envolvida! Se alguém tem o nome da pessoa eu mesma posso formalizar a denúncia”.

Após conseguir o nome da suposta dona do cão, Heloisa confirmou que irá denunciar a agressora: “obrigada a quem de forma responsável me passou por mensagem! A pessoa é de Goiânia! Vamos Formalizar Denúncia!”, escreveu. De acordo com a ONG Safernet, que se dedica à defesa dos Direitos Humanos na Internet, “uma cópia do vídeo foi preservada e será encaminhada para as autoridades que investigam crimes ambientais, para processar e punir a agressora.”

Abaixo o vídeo original postado no youtube, por receio que o mesmo fosse retirado, excluído, muitos copiaram e repostaram -  parece que o marido da monstra é um médico muito influente, parentes políticos, muito dinheiro, etc, etc, etc.

Vejam se vocês conhecem alguém e se cuidem…(válido para humanos e animais)

camilla_espanca_cao01  camilla_espan_cao02

 
 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.